Aprenda a Identificar os Principais Sinais do Câncer de Mama!

0
552

Aprenda a Identificar os Principais Sinais do Câncer de Mama, pois esses sinais são muito importante para quem deseja ficar atento aos Principais Sinais do Câncer de Mama. Entre entanto, os Principais Sinais do Câncer de Mama podem variar, e algumas mulheres que têm câncer podem não apresentar nenhum destes sinais e sintomas. De qualquer maneira, é recomendável que a mulher conheça suas mamas, e saiba reconhecer alterações para poder alertar o médico.

A melhor época do mês para que a mulher que ainda menstrua avalie as próprias mamas para procurar alterações é alguns dias após a menstruação, quando as mamas estão menos inchadas. Para as mulheres que já passaram a menopausa, este autoexame pode ser feito em qualquer época do mês.

Qualquer alteração que você venha a observar comunique imediatamente ao seu médico, mesmo que elas tenham aparecido pouco tempo depois da última mamografia que você realizou ou do exame clínico das mamas feito pelo profissional de saúde.

O que é Câncer de Mama?

Câncer de Mama é o tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, depois do câncer de pele não melanoma. O Câncer de Mama responde, atualmente, por cerca de 28% dos casos novos de câncer em mulheres. O câncer de mama também acomete homens, porém é raro, representando menos de 1% do total de casos da doença. Relativamente raro antes dos 35 anos, acima desta idade sua incidência cresce progressivamente, especialmente após os 50 anos. Estatísticas indicam aumento da sua incidência tanto nos países desenvolvidos quanto nos em desenvolvimento. Existem vários tipos de Câncer de Mama. Alguns evoluem de forma rápida, outros, não. A maioria dos casos tem bom prognóstico.

Quem Pode ter Câncer de Mama:

Qualquer pessoa pode desenvolver um Câncer de Mama, seja homem ou mulher, sendo que apresentam maior risco as pessoas com:

  • Idade maior que 50 anos;
  • Histórico familiar de Câncer de Mama;
  • Obesidade e estilo de vida sedentário.

Além disso, também existem alterações genéticas que podem aumentar a tendência para desenvolver este tipo de câncer, como as que acontecem nos genes BRCA1 e BRCA2. No entanto, existem testes que podem ser feitos e que ajudam a identificar a alteração mesmo antes do câncer surgir, dando a oportunidade de evitar o câncer.

Principais Sintomas do Câncer de Mama:

  • Dor severa e progressiva;
  • Inchaço;
  • Ossos são mais facilmente fraturados ou quebrados;
  • Compressão da medula espinhal;
  • Hipercalcemia (excesso de cálcio no sangue);
  • Anemia;
  • Fadiga;
  • Dor de cabeça persistente;
  • Distúrbios visuais;
  • Convulsões;
  • Vômitos ou náuseas;
  • Alterações comportamentais ou mudanças de personalidade;
  • Problemas de memória;
  • Dificuldades com a fala.

Lembre-se que alguns desses sintomas (como fadiga, náusea, falta de apetite) podem ser causados por doenças comuns, como um resfriado, ou por efeitos colaterais do tratamento do Câncer de Mama. Se você apresenta algum destes sintomas, o melhor é consultar seu médico, para que ele avalie se há necessidade de reavaliar seu tratamento ou de melhor adequá-lo à sua expectativa de qualidade de vida.

Recomendados Para Você: